MANDIC
SELO_MEC

Pós-Graduação e mentoria em Cannabis medicinal

Dia Mundial da Saúde Bucal
20/03/2024

Um relatório da OMS (Organização Mundial da Saúde) apontou que 3,5 bilhões de pessoas convivem com doenças bucais. Isso representa quase metade da população mundial (45%). A cárie é a principal ocorrência, afetando 2,5 bilhões de pessoas globalmente, seguida pela periodontite, principal causa de perda dentária, com cerca de um bilhão de casos.

Celebrado anualmente em 20 de março, o Dia Mundial da Saúde Bucal foi criado para conscientizar a população sobre a importância dos cuidados odontológicos para o bem-estar geral. A saúde bucal é fundamental para uma boa qualidade de vida, uma vez que, além de ajudar a prevenir uma série de doenças dentárias, como a periodontite, por exemplo, também ajuda a reduzir os riscos de condições que possam impactar a saúde de modo geral.

Os bons cuidados odontológicos não apenas promovem uma boca saudável, mas também podem elevar a autoestima e a confiança. Um sorriso saudável é frequentemente associado à autoconfiança e à autoestima elevadas. Pessoas com boa saúde bucal geralmente demonstram maior confiança em si mesmas, o que pode se refletir em diversas situações sociais.

O Dia Mundial da Saúde Bucal ressalta não apenas a necessidade de manter uma boa higiene oral, mas também a importância de buscar novas abordagens terapêuticas, considerando que as doenças bucais podem apresentar desafios significativos para a saúde pública global. Nesse sentido, os compostos encontrados na Cannabis têm sido objeto de estudo no tratamento de várias condições e evidenciaram potencial no contexto das doenças bucais e dentárias.

O Canabidiol (CBD), um dos compostos ativos da Cannabis, é conhecido por suas propriedades anti-inflamatórias, analgésicas e antimicrobianas, o que sugere sua eficácia potencial no manejo de condições como a periodontite, entre outras. Além disso, o Canabigerol (CBG) tem despertado interesse entre os profissionais da odontologia devido ao seu potencial anti-inflamatório e capacidade de controlar a proliferação bacteriana. Veja algumas das possíveis aplicações clínicas da Cannabis medicinal na Odontologia:

  • Disfunção Temporomandibular (DTM)
  • Bruxismo
  • Ansiedade (geralmente relacionada a procedimentos odontológicos)
  • Dor dentária
  • Gengivite
  • Periodontite
  • Estabilização de paciente pré ou pós-procedimento

Neste dia, a Vigo Academy aproveita a oportunidade para enfatizar a relevância dos cuidados odontológicos e reforçar seu compromisso em fornecer uma sólida base de conhecimento sobre a Cannabis medicinal, seus compostos e o Sistema Endocanabinoide para capacitar Cirurgiões-Dentistas nesta nova abordagem terapêutica, que está sendo cada vez mais explorada.

Essa informação foi útil para você?

0 / 5. 0

Facebook
Twitter
LinkedIn

Acompanhe o nosso blog e fique por dentro dos nossos eventos, ações e principais notícias dos setores que atuamos no mercado.

Categorias

Posts recentes